Fiquei surpreendido quando descobri que é possível para qualquer pessoa viver em abundância mesmo tendo pouco dinheiro

A vida abundante é uma vida em que realmente não sentimos falta de nada. Sentimos que temos tudo o que precisamos para sermos felizes.

Artigo Relacionado: Como Ser Feliz Independentemente das Circunstâncias (Inspiração Episódio 8)

Esse estado consegue-se… não importa o tamanho da tua conta bancária, não importa a quantidade de coisas que tu tens à tua volta, não importam as pessoas que conheces, o quanto é que te sentes realizado.
Isso não importa muito. O que importa é o estado de gratidão.

Estarmos gratos por aquilo que temos, pelas pessoas que somos, pelas pessoas que foram colocadas à nossa volta para nos desafiarem e nos fazerem progredir. Estarmos agradecidos, é o primeiro passo da abundância.

Artigo Relacionado: Porque é Tão Importante a Gratidão?

Depois, estar insatisfeito. A insatisfação também é uma boa coisa: viver insatisfeito.

Clica no Play para veres o vídeo ou lê a transcrição

Viver em abundância significa, por um lado viver grato, e por outro viver insatisfeito. Parece um paradoxo mas não é.

Estarmos agradecidos por aquilo que nós somos, temos, pelas pessoas que foram colocadas à nossa volta, pelo nosso processo, pelo nosso percurso mental, espiritual, emocional é espetacular. Reside aí a verdadeira abundância.

Mas ao mesmo tempo estarmos insatisfeitos: querer fazer mais coisas, viver mais experiências e melhores experiências, melhorar a todos os níveis, a nível mental, emocional, espiritual, ter um impacto cada vez mais positivo nas pessoas à nossa volta, viver um processo de crescimento. Isto tudo também faz parte da abundância.

Artigo Relacionado: Como Desenvolver-se Física, Mental, Emocional e Espiritualmente

A abundância não é um estado, a abundância é um processo.

Comecei a perceber isso, há muitos anos atrás. Ia levar a minha filha à escola, a Rute, e ela, pequenina, tinha 6 anos ou 7, disse-me uma coisa que nunca mais esqueci.

Naquela altura nós vivíamos com muitas dificuldades, muitíssimas dificuldades, num apartamento e numa luta tremenda, tremenda, sem dinheiro quase para nada.

Eu estava a levá-la à escola, no carro e ela disse-me assim:

“- Ó papá, nós somos ricos de tudo, menos de dinheiro.”

Eu eu achei aquilo, por um lado incrível, a ideia que aquela criança de 7 anos tinha sobre o que era riqueza, e por outro lado senti… eu não sabia que a minha filha sentia também a falta de dinheiro.

Eu tinha uma vida familiar feliz mas não tinha uma vida pessoal feliz. Não vivia em abundância porque a minha vida rodava à volta do dinheiro.

Então, o segundo passo para a abundância eu aprendi, sendo o primeiro a gratidão, o segundo é viver emocionalmente desligado do dinheiro.

Artigo Relacionado: A Vida Não Presta Vivendo Emocionalmente Agarrados ao Dinheiro

Que tenhas o suficiente para fazeres aquilo que tu sabes que tens de fazer, para teres as experiências que precisas ter, para proporcionares a vida que sabes que precisas proporcionar às pessoas à tua volta e para teres o impacto que tu sabes que precisas ter no mundo e viver desapegado emocionalmente do dinheiro.

O dinheiro é uma ferramenta de abundância muito grande e acho que todos deveríamos ter o suficiente para não termos de pensar muito nele.

Imagina o importante que é para mim! Eu dediquei a minha vida a isso: a viver dessa forma e a ensinar outras pessoas a viverem dessa forma.

O Terceiro passo é o trabalho feito pessoalmente: o progresso.

Todos os dias ouvir os áudios, todos os dias ler livros, todos os dias contactar com pessoas positivas, pessoas que nos podem ajudar, escolher as nossas influências e viver esse processo de abundância… esse progresso de abundância.

A abundância é uma escolha, não é algo que nos seja imposto ou sequer que consigamos realizar. É uma escolha diária.

Esta é a minha experiência e, se te posso dar uma dica ou um conselho em relação a isto, são estas 3 coisas:

1- Vive em gratidão
2- Ganha o suficiente para não teres de pensar no dinheiro ou seja: desliga-te emocionalmente do dinheiro, independentemente da quantidade de dinheiro que possas ou não ter.
3- Vive em progresso constante, em luta constante, em aprendizagem constante. Isso faz parte da abundância também.

É tudo por hoje, obrigado por estares aí.

Estamos muito felizes porque temos um evento dentro de poucos dias e eu já estou lá. A minha cabeça já está lá, o meu coração já está ali.

O amor que sinto pela equipa com que trabalho é gigante e mal posso esperar para os encontrar a todos.

 

 

 


Gostaste deste artigo? Estes também te vão interessar!
>> Os 4 Degraus da Escassez à Abundância
>> O Que Somos Hoje e o Nosso Passado Não Determinam o Nosso Futuro
>> Como Atingir Sucesso Pessoal e nas Organizações, e Criar uma Vida Abundante: Visão, Missão, Valores e outras coisas
>> 12 Lições Sobre a Vida Dadas Por Alguém que Viu 12 Mil Pessoas a Morrer
>> Tem de Ser Possível Viver da Nossa Paixão. Tem de Ser Possível!

One thought on “Como Viver Em Abundância (Inspiração Episódio 13)”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *