Esta pode ser uma verdade inconveniente para o teu Marketing Pessoal mas “Tu Ganhas o Que Mereces“! Aliás, todos ganhamos o que merecemos.

Vais ver neste artigo como aumentar o teu valor com o Marketing Pessoal e, em consequência, criar condições para ganhares mais dinheiro… sem teres realmente de trabalhar mais.

Ouvi um dia o Jim Rohn dizer num evento ao vivo que o valor que achamos que temos, raramente corresponde com o valor que temos de facto. Uma pessoa que ganha 1000 tem um valor no mercado maior do que outra que ganha 500 e menor que uma terceira que ganha 2000.

Não está em causa o valor de cada um como pessoa. Neste campo valemos todos o mesmo.

Também não falo aqui de competências nem de talento (o que não falta no mundo são pessoas talentosas e fracassadas).

Nunca foram as competências que trouxeram dinheiro a ninguém.

O que te traz dinheiro é o Valor que tens, a Comunicação desse valor e a forma como Monetizas esse valor (o convertes em dinheiro).  Marketing Pessoal é a tua marca.

Comecemos pelo princípio: Como criar Marketing Pessoal adicionando valor à tua pessoa.

Há 3 formas de o fazer e precisas usá-las todas:

1- Marketing Pessoal: O Estudo.

Todos os dias trabalha sobre ti mesmo. Lê livros de mindset e desenvolvimento pessoal como o Guru Instantâneo ou Mentalitude, ouve áudios, vê vídeos que versem os assuntos nos quais queres ter Reconhecimento, Apreço e Dinheiro. Tira 20% do teu tempo útil para isso e fá-lo diariamente. Vais aumentar consideravelmente o teu entendimento das coisas, e vais colocar-te numa posição muito à frente de toda a gente.

2- Marketing Pessoal: A Prática

Executa o que aprendes de forma produtiva e focada na acção. Dedica 80% do teu tempo útil a isto. É aqui que vais ganhar dinheiro, é aqui que vais fazer a diferença no mercado. Lembras-te de ter escrito acima que as competências nunca deram dinheiro a ninguém? É verdade, se às competências não adicionares ação massiva. Fazer, fazer, fazer.

3- Marketing Pessoal: A Modelação

Já te aconteceu saberes como se faz uma coisa (estudaste) mas depois não a consegues fazer (por em prática)? Às vezes estudas montes de coisas, mas depois ficas perdido sem saber o que fazer primeiro, nem sequer consegues estabelecer prioridades, porque te falta a experiência. É aqui que entra a modelação: a observação de um modelo, a convivência com pessoas que são melhores do que tu, que já fizeram o que queres fazer ou que sabem pela experiência os truques todos. São os “mentores”, “tutores”, pode ser uma equipa de pessoas ou uma só.

O facto é que sozinho nunca poderás ver mais além do que a tua própria estatura e por isso precisas confrontar-te diariamente com mentores que te desafiem. Mentalitude é grátis e de leitura obrigatória falando de mindset de desafios,

Isto é algo que aprecio imenso porque vejo os tremendos resultados que produz: estou com os meus mentores todos os dias e dou mentoria a quem trabalha comigo.

Nunca desprezes o valor que vais adquirir seguindo estas práticas simples.

O facto de adicionares valor a ti próprio pelo conhecimento, pela prática e pela modelação, vai colocar o teu marketing pessoal num patamar vários níveis acima daqueles que acham que “dá muito trabalho” ou é “perda de tempo”.

 

19 thoughts on “Marketing Pessoal – Valor Pessoal”

  1. Pingback: 1º Mito do Internet Marketing - Ter Valor é ter Sucesso
  2. Pingback: Ser Dono do Tempo
  3. Design não é apenas o que se vê e o que se sente. O design é sobre como funciona. Faça do cliente o herói da sua história. As pessoas certas para começar um vídeo blog são aquelas que têm paixão por contar historias.

    parabens pelo conteudo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *