Bom Dia.

É verdade… o que haverias tu de esperar de um gajo que tem uma máscara do Guy Fawkes pendurada no quadro de cortiça no quarto, como eu tenho!

 ……..

Aviso: mensagem subversiva não adequada a corações fracos.

……..

“Fight The Forces of Evil” não é somente uma frase bonita, nem uma série de teorias.

A luta pela liberdade tem um lado físico e um lado metafísico.

Do lado físico significa:
– Não aceitar merdas de ninguém, nem a sua negatividade nem os nho-nho-nhos, nem que nos imponham as suas limitações.
– Não permitir que outras pessoas usem do poder pessoal delas para nos manipularem.
– Impedir que os fortes se sirvam dos fracos
– Proporcionar ao maior número possível de pessoas o conhecimento e as competências que as libertarão do poder de outras pessoas sobre elas: sejam chefes, governos, líderes ou patrões.

Do lado metafísico significa:
– Superar o medo
– Assumir a completa responsabilidade pela própria vida
– Tomar consciência de que somos todos um só e que, quando melhoras, melhoras toda a humanidade.
– Terminar com as desculpas e justificações
– Ser solidário com os mais fracos
– Deixar o ego de lado sempre que ele atrapalhar (e atrapalha quase sempre)
– Viver em “modo produção” focado na ação.

Ser um lutador ou uma lutadora pela liberdade não é para todos. Muitos preferem ficar-se na “carneirada” e seguir a autoridade.

Não há nada de errado com o facto de haver autoridade, não.
Mas só serás livre quando tiveres consciência de que a autoridade que alguém tem sobre ti és tu quem lha permite, e podes livrar-te dela quando quiseres.

Lembra-te: podes estar a construir o sonho de outras pessoas pensando que estás a construir o teu.
Podes estar a jogar o jogo imposto por outras pessoas pensando que estás a jogar o teu.

E “nunca serás livre enquanto te limitares a trabalhar para outras pessoas” (Wayne W. Dyer) a seguir as suas instruções.

 

Junta-te à (R)Evolução.

Bom Dia desde o Ninho das Águias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.