rui gabriel bloguer ninja faz o que gostas bloga sobre isso ganha dinheiroComo será possível conseguires tudo o que pretendes, havendo uma concorrência de pelo menos 7 mil milhões de pessoas, que é a população mundial, simplesmente sabendo como contar a tua história?

Já paraste para pensar que, dos 7 mil milhões de pessoas do mundo, não há duas iguais?

Já pensaste que, apesar de sermos muitos, cada um de nós é diferente? Cada um tem sonhos, desejos, projetos, ambições e histórias diferentes umas das outras com as quais poderíamos melhoar caso as conhecêssemos?

  • Já paraste para pensar o quanto poderíamos aprender com uma criança do Afeganistão (o pior país do mundo para se nascer, seguido de Angola) ? Mesmo que 1 em cada 5 morram antes de chegarem aos cinco anos de idade? Quanto te poderia ensinar uma delas durante esses 4 anos de vida?
  • O quanto teríamos a ganhar se pudéssemos ouvir a história de Usha Phule, uma mulher indiana, discípula de Ghandi e que fundou a Secret Congress Radio, uma radio clandestina  para dar voz à liberdade naquele país!
  • Achas que te inspirarias na vida de Ishmael Beah? Ele foi um menino soldado de 12 anos que, depois de perder toda a sua família na guerra, percorre a sua Serra Leoa natal, lutando por comida, e matando outras crianças e  adultos de forma cada vez mais cruel, mantendo-se drogado com uma mistura de cocaína, haxixe e pólvora até ser resgatado por membros da Unicef. Que compreensão do mundo nos proporcionaria se ouvíssemos a sua historia!
  • Não te parece que o assassinato da  irmã Dorothy Stang no Roraima, Brasil, quando se colocou do lado dos sem-terra, traz grandes lições para nós? Como terá sido a sua história? O que a terá inspirado? Como será a história dos seus assassinos? O que os moveu?

Quando sais à rua e olhas para o teu vizinho, já tomaste consciência de que, por detrás do que podes ver, há um ser humano com desejos, ambições, projetos e história? Já pensaste que as suas ideias, desejos, opiniões, ,visão do mundo, que nunca partilhará com ninguém,  poderiam influenciar nem que fosse só um pouquinho, a direção de alguns acontecimentos, que influenciariam outros e outros e que iriam definitivamente influenciar positivamente o mundo?

Já te olhaste ao espelho hoje? O que viste? Eu vou dizer-te, não o que viste, mas o que lá está.

  • Diante do espelho tens um menino do afeganistão, uma Usha Phule, um Ishmael Beah, uma irmã Dorothy e os seus assassinos.
  • Diante do teu espelho tens o teu vizinho, e o vizinho dele. A tua família e a família dele. Tens uma humanidade inteira, cheia de história e de significado.
  • Diante de ti, de frente para o espelho, tens uma história em progresso. Um mundo inteiro de acontecimentos passados, cheios de valor e significado, e de projetos e ideias e visão para o futuro, cheios de promessa e de oportunidade.
  • Diante de ti tens um mundo de potencial à espera de uma oportunidade de brilhar.

Tens uma pequena ideia do quanto poderíamos todos aprender de ti? Tens uma pequena noção do valor que tem a tua história de lutas, fracassos, sucessos, derrotas e vitórias para os resto da humanidade?

Apercebes-te do quanto teríamos a ganhar se pudessemos conhecer a tua história? Que ensinamentos poderíamos retirar dela para nos inspirar nas nossas vidas?

Falei-te de 4 exemplos de vida. de entre biliões de histórias incríveis. Uma por cada habitante deste planeta.

Aposto que estás a pensar que a tua história não interessa a ninguém, que não é poderosa como a da irmã Dorothy ou do Ishmael. Mas a verdade é que te estás a enganar a ti próprio.

A maior parte das pessoas morre com muito do seu potencial dentro de si. Isso faz dos cemitérios as terras mais ricas do planeta (onde está enterrado todo o potencial por realizar).

A maior parte das pessoas vive a vida seguindo instruções de outras pessoas, uns com boas intenções e outros com más.

Por alguma razão não têm a coragem de desafiar os seus limites e, no final, acabaram por gastar a vida escalando a mesma montanha que toda a gente: a montanha errada. A sua própria montanha está ali ao lado, virgem, porque não tiveram a coragem de fazer o que ninguém faz: ser eles próprios.

Isso significa revelar o seu potencial, desenvolvê-lo, expressá-lo. Fazer o que poucos fazem, percorrer a estrada menos concorrida, fazer o quilómetro extra. Aqui não há engarrafamentos, porque quase toda a gente está lá atrás, na segurança aparente da multidão, fazendo as mesmas coisas, da mesma maneira, esperando ter os mesmos resultados.

Vou dizer-te o que quero de ti: Que brilhes com a tua luz própria. Que aches um veículo em que te possas expressar livremente, onde ninguém te diga o que não podes fazer mas onde todos te inspirem a fazer cada vez melhor.

Onde possas ser tu mesmo.

Onde possas por a tua luz num pedestal bem alto, mesmo que te tentem impedir. O mundo precisa dessa luz.

Não vejo melhor forma de vida do que aquela que nos permite fazer o que gostamos, da forma como gostamos, viver em abundância, reconhecimento e apreço, e ajudar a mudar o mundo para melhor. E, por muito incrível que pareça, o que te acabei de descrever é a minha forma de vida.

Com as histórias de centenas de pessoas, com a minha própria história, aprendi como transformar uma história pessoal numa máquina de gerar riqueza, e sei como usar esses recursos para ter um impacto positivo gigante nas vidas de milhares de pessoas.

Conta-me a Tua História!

Eu irei escolher 10 delas e vou ajudar essas 10 pessoas a transformarem problemas em abundância, desafios em reconhecimento e dificuldades em sucessos.

Coloca aqui em baixo o teu comentário, conta uma versão reduzida da tua história (máximo de 100 palavras). Eu entrarei em contacto contigo e vamos transformar a tua história num monte de coisas boas para ti. 

Aceitas este Desafio?

 

 

25 thoughts on “Como Conseguires Tudo O Que Queiras A Partir da Tua História”

  1. Olá Rui, tiveste o dom de me mostrar que a minha história tem muito valor e poderá inspirar alguém.
    Sempre quis ser livre, feliz, realizar todos os meus sonhos…mas ensinaram-me desde pequena que não se pode ter tudo.
    Ou és feliz com a família (amigos) ou tens uma profissão de sonho. Apesar de me ter conformado durante muitos anos com a minha vida profissional (fazia limpezas no meu último trabalho) que em nada me realizava…tinha uma família maravilhosa. Lá no fundo, bem no fundo sabia que, se lutasse podia ter tudo. Aos 40 anos despertei para esta realidade. Queria ter um trabalho que me realizasse e ter uma família feliz. Fiz uma licenciatura, um mestrado, uma pós-graduação, com a intenção de poder ser reconhecida profissionalmente e poder ganhar mais dinheiro (ganhava 497€/mês). Mas isso não aconteceu, e, ficava cada dia mais frustrada, desanimada, revoltada, acabando por afectar a minha vida social e familiar. Acabei por não ter nada…nem uma boa profissão, nem a minha família….nem amigos. Foi quando, já bem lá no fundo do poço, descobri a Empower Network e a família Lazy Milionaires. A minha vida deu uma volta de 180º. Estou muito mais feliz….está tudo se “encaixando”, recuperei a minha família, adoro esta minha nova profissão e estou a construir a minha equipa de trabalho para poder ajudar outras pessoas a Mudarem as suas Vidas. Hoje, deixei para trás a velha crença que “não se pode amar dois senhores” e digo: Sim…é possível ter tudo.
    Um abraço, Luísa de Sousa

      1. Rui Gabriel!
        Acredito que a nossa colega( Luisa de Sousa) queria dizer uma volta de 360º. Não como ela disse de 180º.
        Sua historia é ótima! é o que importa.

        1. Alberto, a questão dos graus é mais ou menos irrelevante, pois, como bem apontas o que importa é a história. Em todo o caso, 360 graus, seria uma volta completa e ficaria virada para o mesmo sítio ehehe. Em todo caso, se a gente se quer referir a “uma volta completa à minha vida” também é indicado falar de 360 graus, como indicas. Foquemo-nos porém na mensagem mais do que no detalhe da geometria 🙂 Obrigado pelo teu comentário Alberto.

  2. Olá, meu nome é Paulo,

    Sempre fui empreendedor, já tive indústria de confecção e lojas com 30 funcionários registrados e durante dois anos tive faturamento de de mais de 1 milhão por ano, mas lá pelo ano de 2003 ou 2004, não sei bem exatamente, teve uma certa crise parecida com o que se vê hoje, dólar alto, e junto a isto invernos bem menos frios e como minha mercadoria basicamente era destinada ao frio, tivemos grandes problemas em conseguir vendas, aliado a isto pela inocência cai na mão de agiotas e especuladores e falsos parceiros fornecedores que acabaram praticamente roubando minha mercadoria, que era em torno de sete mil peças de malha e que daria para pagar cinco vezes o que eu devia para eles.

    No fim não liberam as restrições em meu nome, conforme haviam prometido e que até aquele momento era só com eles, assim fiquei sem crédito e acabaram me quebrando.

    Por isto estou com impedimentos no nome até hoje, devido a contas que fiquei devendo com o governo, por isto utilizo o nome de minha mulher, cartão, em fim estas partes de pagamento, o que também dificulta o meu trabalho, uma vez que aqui em casa estou sozinho nos negócios online, ninguém acredita.

    Nunca passei necessidade, tenho duas filhas maravilhosas, e você sabe que exige bastante trabalho e responsabilidade para criar os filhos, uma tem 14 anos e a outra 10 anos, amo demais elas.

    Atualmente a trabalho que me dedico é com cães, tenho um canil, e vendo os filhotes todos pela internet, com isto estou começando dois projetos online, um é ligado a internet marketing e o outro com relação ao canil, alem disto tenho canal no youtube, em fim, não daria para falar tudo aqui, inclusive até já falei demais, mas nunca vou desistir deste sonho dos negócios online, custe o que custar, desculpa por tantas colocações.

    Obrigado,

    Paulo silva

    1. Paulo, a tua história é muito forte e há muito a superar aí. Sei que te posso ajudar caso tenhas vontade e coragem.
      Podes contactar-me privadamente. Grande abraço.

  3. Ola, Rui, boa noite, leio com frequência seus comentários, sou membro e afiliado dos Lazy e Empower. Fico entusiasmado com seus post, sua história, mais derrotado sem prosseguir com meu trabalho, sem mentor. Obrigado. Boa Noite.

    1. Obrigado Carlos, sendo afiliado Lazy e Empower tens de certeza muitos mentores a quem poderás seguir. Um dos teus uplines irá seguramente indicar-te o caminho. Parabéns, e vamos ao trabalho.

  4. Ola bom eu ja tinha dito o k se passa va cmg mas vo dizer outra vez eu tava em portugal conheci o meu marido muito novos ja moravamos juntos pk o meu pai me obrigou tavamos a,oito anos juntos com um menino pekenino e tavamos com muitas dificuldades o meu marido,tinha familia em franca e,decidiu pefir ajuda e foi para,franca trabalhar passado 4meses me,juntei,a,ele,consegui trabalho e a vida comecou a sorrirnos foi tao bom ter estsbilidade mas durou pouco pk kkisemos ajudar nossos pais e eles so se aproveitaram da situacao e nos ficamos na foca outra vez pior k portugal hoje to cheia de dividas kase a ficar sem casa e sem nada e kando digo k nao tenho poses para o projecto lazy e pk nao tenho mesmo verdade nem 20 euros nada nada mesmo e esta e a minha historia

    1. Olá Sofia, obrigado por contares a tua história. Tenho uma verdade para te dizer: esta não é a tua história. Esta é uma parte dela, que estás a viver neste momento. O que vai acontecer em seguida está nas tuas mãos. Desejo-te a coragem de tomar as decisões necessárias, a humildade para aprender um novo caminho e a perseverança de continuar lutando até conseguires os teus objetivos.
      A tua história, estás a escrevê-la todos os dias com os teus pensamentos, decisões e acções. Muito obrigado por teres partilhado esta parte dela. A parte melhor está ainda por vir.

  5. Maria de Lurdes, tu estás a escrever a tua história a cada dia que passa. Admiro muito a tua alegria constante, mesmo estando a passar por dificuldades. Esse é o primeiro passo: estar sempre alegre e positiva. Escreve aí uma coisa que te vou dizer. Quando a disse à Paula Garcia ela só acreditou porque acreditava em mim, mas não acreditava ainda em si mesma. Sobrevivia com 150 euros por mês e ficou na rua, sem casa. A partir daí começou a escrever a sua história de superação. Hoje é feliz e ganha uma pipa de massa seguindo o sistema dos http://lazy-millionaires.com .
    O que eu lhe disse e te digo a ti é isto: “As tuas dificuldades de hoje vão fazer-te rica amanhã.”
    Quando mais difícil for a tua história, mais inspiradora se torna. E quanto mais inspirares outras pessoas mais vidas vais transformar e, em consequência, mais dinheiro vais ganhar.
    Tem confiança. Dá o teu máximo e mais um pouco. Existe uma calibração automática no universo que mantêm cada desafio adequado à capacidade de cada pessoa de o superar.
    Se tens desafios grandes é porque o Universo, ou Deus, ou o que lhe queiras chamar, tem grande confiança em ti e acredita em ti para os superares.
    Às vezes mais do que possas acreditar tu mesma.
    Obrigado pelo teu comentário. Estou contigo.

  6. Boa tarde, Rui!

    Venho de uma família “estruturada” que perdeu seu maior pilar em 1998. Com apenas 7 anos a morte do meu pai deixou grandes traumas e crenças negativas que até hoje tento limpar. Sempre, desde criança, me questionei muito. Minha família (e eu também) somos muito críticos, e, sendo a mais nova de todos fui alvo constante de críticas que me fizeram chegar á idade adulta cheia de inseguranças. Quatro anos após a morte do meu pai, minha mãe se casou novamente com um cara que não gostava nem um pouco de mim, fazia de tudo pra me toler, reprimir. Tive namorados que tentaram mudar meu jeito de ser. Até o dia em que eu resolvi sair de casa e morar sozinha. Tudo mudou. Aprendi, no sofrimento, a ser forte. Hoje frequento a casa da minha mãe sem problema nenhum com meu padrasto (superei), estou ainda solteira e feliz mesmo assim! Tenho muito a mudar. No alto dos meus 23 anos sinto que é a hora de decidir qual é o meu caminho. Tenho competências para isso.

    1. Fernanda, podes estar pronta para algo de bom e de grandioso. Gosto disso. Gostava de conversar um pouco contigo sobre isso, pode ser? Em caso afirmativo envia-me uma mensagem por email, Facebook ou skype. Parabéns pela história que já construíste a pulso.

    2. Fernanda, podes estar pronta para algo de bom e de grandioso. Gosto disso. Gostava de conversar um pouco contigo sobre isso, pode ser? Em caso afirmativo envia-me uma mensagem por email, Facebook ou skype. Parabéns pela história que já construíste a pulso. Muito obrigado por teres partilhado a tua história.

  7. AO deixar o nordeste do Brasil, ha quatro anos, e vendermos quase que pela metade do preço o valor de nossa casa, viajamos para o Rio de janeiro, com o objetivo de tratar de nosso filho que é autista….jamais moramos em casa alugada, mais, agora, aqui no rio, tivemos que encarar esta situação…..saí do emprego ha dois meses, e me encontro no vale da decisão, onde estou tendo que escolher entre, voltar a um emprego de pouco mais que um salário minimo, ou procurar criar meu proprio trabalho, onde, sem dúvida, terei muito mais esperança de um futuro melhor pra minha família…acredito que o sistema EMPOWER NETWORK, é sem duvida uma grande porta, onde, com persistencia e trabalho, poderemos alcançar lugares bem mais altos financeiramente….agradeço muito ao Rui, que de forma incansável, vem procurando mostrar que ha um caminho mais gratificante em toda esta corrida pelo sucesso financeiro…..valeu.

    1. Robson, obrigado por colocares aqui a tua história. Sabes que não podemos mudar o princípio dela, mas podemos mudar o final. No que eu puder ser-te de utilidade, Robson, me avisa. Obrigado pelo teu comentário e pelo teu apreço.

  8. Olá Rui!Sou gaúcha,moro sozinha em outro Estado (SC)há 10 meses,meu aluguel está pago só até este mês e NÃO VOU VOLTAR pro RS onde fui criada numa família cheia de problemas q sempre me criticou por eu pensar diferente.Minha mãe é depressiva desde sempre,meu pai era alcoólatra,saiu de casa quando eu tinha 5 anos,o corpo dele foi encontrado num rio quando eu tinha 15 anos.Minha irmã me julga,me rotula e me culpa por tudo.Diz que abandonei a mãe.Saí de casa com 36 anos,pois não aguentava mais aquela vida que não era a minha.Cuidei da minha mãe desde que todos irmãos (somos em quatro) se casaram, foram embora viver suas vidas.Porém cansei e ano passado larguei tudo e saí daquele meio que estava me matando.Penso eu que Deus me reservou algo muito bom,pois com menos de 2 anos de idade engoli uma “joaninha”que prendia meu bico,ela estava aberta com a ponta virada para baixo.Não sei como não morri e não furou nenhuma tripa!(eu expeli ela,ok?rs)Sempre sonhei em ter uma vida diferente e ser feliz,mas mesmo aqui me deixo abalar pelas mensagens que eles mandam.E acho que isso influencia no meu crescimento profissional e pessoal.Gratidão por você compartilhar e ajudar as pessoas _/|_ Namastê <3

    1. Iara muito obrigado pela partilha de um pouco da tua história. Claro que estás reservada para coisas grandes. Porém não basta estar reservada (na reserva) é preciso agir e fazer as coisas grandes para as quais estás reservada. Posso fazer-te uma pergunta que te pode ajudar a perceber que coisas grandes são essas? A pergunta é esta:
      – Se o dinheiro não fosse um problema para ti, se tivesses todo o que precisas, o que farias com a tua vida? Gastarias os teus dias fazendo o quê?
      Queres responder?

  9. Claro, Rui, respondo.
    Penso que não estou sabendo utilizar meu tempo corretamente.
    Gostaria de gastá-lo ajudando outras pessoas a se libertarem de padrão de crenças, de hábitos e vícios que criamos, gostaria que as pessoas fossem livres, mas sinto que eu ainda não sou, então primeiro devo me curar.Eu sempre penso que ainda não estou pronta para ajudar as pessoas, pois não me sinto capaz.Tipo: quem sou eu para ajudar, se tenho milhares de coisas pra resolver em mim?!

    1. Iara, vou dar-te uma notícia que vais adorar: não precisas ser perfeita para poderes ajudar outras pessoas. Não precisas resolver primeiro as coisas contigo para depois poderes ajudar outras pessoas a resolverem as delas. Se assim fosse, não haveria ninguém no mundo a ajudar ninguém pois não há pessoas perfeitas.
      Todos estamos no processo de conquistar os nossos sonhos. Uns mais à frente, outros mais atrás. E todos podemos ensinar e aprender com todos.
      Tu serás mestre e discípula ao mesmo tempo. Líder e seguidora. Como todos nós. Enviei uma mensagem para o teu email. Quando puderes responde. Grande abraço, parabéns por seres quem és e por teres os objetivos de vida que tens. Sei que te posso ser útil, se mo permitires. Abraço amigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.