“Mereço o melhor e aceito o melhor agora.” – Louise Hay

Existem vários passos para receberes do Universo as coisas que desejas:

  • Saber bem o que queres,
  • Visualizá-lo todos os dias como se já o tivesses,
  • Definir um plano de acção para concretizares esse sonho,
  • Executar esse plano com a certeza de que já conseguiste,
  • Aceitar receber o teu sonho.

Esta última parte é, obviamente, fundamental. E estou convencido de que uma boa parte de nós faz tudo certo até chegar à parte do receber. Aí ficam na dúvida, “não parece possível”, “não é para mim”. Reconhecem que muitas coisas irão mudar daqui para a frente e têm medo dessa mudança. Então retraem-se e o sonho fica por entregar. Vai devolvido ao remetente só porque o destinatário ficou atrás da porta enquanto o carteiro tocava à campainha.

Isto vale para todas as tuas queixas. Quando te queixas o Universo envia-te uma solução. Se não a aceitas irás continuar a queixar-te, mas dificilmente voltarás a ter a mesma oportunidade. Estas raramente batem duas vezes na mesma porta. Ninguém atende, “de volta ao remetente”.

  • Achas que se pedires dinheiro irás receber dinheiro? Não. O que vais receber é uma oportunidade de conseguir esse dinheiro.
  • Se pedires um amor irás receber esse amor? Nem por sombras. Irás sim, receber a oportunidade de realizar esse amor.
  • Se pedires realização pessoal, achas que recebes realização pessoal? Engano. Irás receber, isso sim, uma oportunidade para te realizares pessoalmente.

O mesmo para qualquer outra coisa que queiras ser, ter ou fazer. Podes pedir o que quiseres, mas fica sabendo que o que receberás é uma oportunidade de concretizar esse sonho, nada mais.

Fica nas tuas mãos aceitar essa oportunidade e desenvolvê-la até ela te transformar a ti e às circunstâncias e realizar o teu sonho.

Acho que a maior tristeza que podemos ter na vida é andarmos a queixar-nos enquanto temos na estação dos correios uma montanha de encomendas, com o nosso nome, que simplesmente deixámos que fossem carimbadas com o “devolvido ao remetente”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.