“Um direito adiado é um direito negado.” – Martin Luther King

Eu vejo a prosperidade como um dado adquirido. Não é algo que tenhas de conquistar pois já é tua. Imagina que já ganhaste a lotaria. Está ganha, não precisas de continuar a jogar e a fazer tentativas. Ganhaste! Agora a única coisa que tens de fazer é recolher o prémio.

É interessante observar à nossa volta como praticamente toda a gente se comporta como se tivesse de ganhar, de concorrer com outras pessoas, de atropelar, pisar se for necessário, para ganharem o jackpot. E não sabem que podem ser generosos com todos, apoiar todos, ajudar, colaborar, partilhar pois é assim que se recebe o prémio já ganho.

Provavelmente não concordas comigo. Sinto a tua dúvida mesmo desde aqui.

Eu sei que é difícil acreditar que és milionário com as contas todas atrasadas e os credores à perna. Também sei que é difícil sentires-te no pico da tua saúde quando tens umas dores incríveis e uma doença chata. E que és uma pessoa de imenso sucesso e reconhecimento quando sentes que te arrastas na obscuridade.

Claro que sei que é difícil ver o que não está ao alcance da vista mas lembra-te de que, independentemente do que é aparente para ti, a Terra é mesmo redonda, a matéria é 99999,9% vazio e tudo o que podemos observar em todo o universo é somente 4% de toda a matéria, que as tuas células fazem o seu trabalho sem intervenção tua, que há milhares de pessoas no mundo que dariam um braço ou uma perna para saber o que tu sabes e viver as vivências que tu vives, que há sempre alguém que te admira mesmo que não to diga, que o que tu és hoje é somente um rasto do teu eu verdadeiro e que és um ser divino que está a ter uma experiência humana.

É preciso ter fé para acreditar naquelas coisas? É claro que não. Não é preciso fé para acreditar na ciência, nem para acreditares em ti.

Fé e crença não são a mesma coisa. A fé vem de uma esperança de que as coisas sejam de uma determinada maneira, a crença vem da certeza de que as coisas são de uma determinada maneira mas ainda não se manifestaram.

Acreditar não é ter fé, é ter a certeza. Quando te dizem para acreditares em ti mesmo, não te querem dizer para teres esperança de que as coisas irão mudar, mas para teres a certeza de que tu irás mudar as coisas.

Esta é a tua herança e o teu legado e, ao mesmo tempo, uma óptima notícia: Tu já ganhaste a lotaria, só tens de recolher o prémio. Prosperidade é um direito adquirido e só tu podes concretizar ou adiar a sua realização.

Não esqueças que um direito adiado é um direito negado. Não te podes dar ao luxo de negar a ti mesmo nada do muito que já é teu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.