“Vencer é o que importa. O resto é a consequência.” – Ayrton Senna

Quando se aproxima o campeonato os jogadores de futebol entram em”estágio”. Saem das suas rotinas diárias e vão todos para um local afastado com os técnicos e treinadores para uma experiência de foco total.

Em estágio os atletas vivem juntos com a equipa técnica. Estão comprometidos no treino diário mas também na convivência. Criam e reforçam laços, surgem problemas e dificuldades de relacionamento provocados pela proximidade, há choques de personalidade. Normalmente é ali que todos se revelam como são, numa espécie de “big brother” sem câmaras.

Tu tens algum objectivo poderoso e difícil? Estás a lutar para o alcançar?

Estás a lutar como? Sozinho? Estás com dificuldades? A coisa parece que não está a funcionar como gostarias?

Talvez seja hora de entrares em estágio. Sai fisicamente do teu espaço normal.

Procura o teu “lugar ressonante”, aquele lugar que parece ressoar com a tua frequência, onde te sentes integrado e inspirado. Para uns será a praia deserta, outros a montanha ou a floresta, outros um parque de cidade ou o zoo, poderá mesmo ser uma rua movimentada. Não sei, tu é que tens de descobrir.

Depois vai para lá e entra em estágio. Leva contigo tudo o que puderes que te aproxime do teu objectivo. Os livros, a música, os áudios. Toma notas das reflexões inspiradas que tiveres, escuta.

Estás disposto a fazer isto pela vitória? A pagar o preço de “perder” algum tempo “não produtivo” em estágio? O Abraham Lincoln dizia: “se me derem 6 horas para cortar uma árvore passarei as primeiras 3 a afiar o machado“. Faz o mesmo.

Há alguma coisa mais importante que a vitória? Em coisas banais sim, mas se a vitória que procuras for algo estruturante na tua vida não há nada mais importante que isso e, em consequência, tudo o resto pode ser sacrificado se for necessário. Digo: se for necessário.

O mais giro é que depois da vitória irás reparar que ela não é efectivamente o mais importante.

O que realmente faz a diferença é a pessoa em que te transformaste no processo. Esta é a consequência. Este é o resultado. Isto é o que importa. Ao contrário do Senna eu digo: “O que importa é a consequência. O resto é somente uma vitória“. Faz sentido?
Então estarás mais preparado para novos objectivos. Cada passo que dás torna mais fácil para ti o passo seguinte.

E tudo começou com um “estágio” e um “lugar ressonante”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.