“A excelência não é uma competência, mas uma atitude”. – Ralph Marston

Ser muito bom em alguma coisa é ser competente. A competência é algo que tu vais aprendendo pelo estudo, pela prática e pela modelação (observação e cópia). Serve para alguma coisa? Evidentemente. Há pessoas que chamam a isso “serem profissionais” e é o mínimo que podes exigir de ti mesmo se quiseres sobreviver.

Eu conheço muitas pessoas na minha indústria, que têm as suas actividades em part-time. Acham um negócio baseado em casa e em part-time que isso é algo menor do que o emprego. Por isso não são profissionais: adiam tarefas importantes, não cuidam dos seus contactos de negócio, não fazem networking nem investem em formação constante.

O que acontece com todas estas pessoas: fracasso. Sem dúvida. A economia não suporta amadores.

Contudo há muitos que são profissionais. São organizados, tratam bem do negócio, dos prospectos e clientes, empregam-se a si mesmos, estudam, praticam e modelam os melhores.

São profissionais e são competentes.

Terão sucesso? Sem dúvida que sim. Muito? Não. Não terão muito sucesso da mesma forma que um músico pode ser um técnico ou um artista. Dominas a técnica do instrumento e tocas todas as notas na perfeição. Isso faz de ti um músico que pode viver da música, mas não faz de ti uma estrela de enorme sucesso.

É que a competência é fundamental, mas não é tudo. Em cima disso precisas de ter atitude, alma de vitória.

Esta atitude impregna todas as tuas palavras e acções e torna-nos não somente competentes, nem profissionais, mas excelentes.

Sem excelência consegues, no máximo, estar acima da média. Isso não é mau, é péssimo. Estar acima da média é muitas vezes o princípio do fim, pois pensas que conseguiste já alguma coisa e deixas de progredir.

Como ser excelente? Como ter a tal atitude?

Tens isso quando vives com um propósito e este propósito repassa tudo o que tu sentes, pensas, dizes e fazes. Ele passa a ser o que tu és, e tens o teu Porquê.

One thought on “Profissionais Sem Um Porquê”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.