Sereno Desespero

“Deplora (Hery Thoreau) que a maior parte dos homens, esses a quem hoje chamamos “maioria silenciosa”, levem suas vidas de sereno desespero, e que a preocupação excessiva com o sucesso material os coloque em tal situação que não podem ser outra coisa senão máquinas, tendo-se transformado nos instrumentos dos seus instrumentos.”

Astrid Cabral – Introdução de “Walden ou a vida nos bosques” de Henry David Thoreau, Antígona, 2ª edição, Março 2009, pg 11

379696_165870576923752_1707869302_n

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.